Nova Mutum na mídia: Cidade gera mais empregos com quatro setores da economia impulsionando

Nova Mutum gerou mais empregos com carteiras assinadas, em março. Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, foram 55 vagas a mais, diferença de 1.388 contratações e 1.333 demissões feitas por empresas e indústrias.

Em janeiro e fevereiro, foram 520 e 444 contratados a mais. Em relação a março de 2021, houve leve diminuição, já que à época foram 82 trabalhadores que iniciaram vínculos empregatícios a mais com carteiras assinadas.

O setor de serviços liderou. Só Notícias constatou que foram 122 pessoas empregadas a mais, saldo de 423 admissões e 301 desligamentos. A construção teve o segundo melhor resultado ao criar 53 postos de trabalho, resultado de 156 contratações e 103 desligamentos.

O comércio também gerou 32 postos a mais, diferença de 392 contratados e 360 demitidos. Já as indústrias, abriram 269 novas vagas mas encerraram 247, saldo de 22 admitidos a mais.

Por outro lado, a agropecuária fechou o mês com saldo negativo demitindo 174 funcionários a mais. Foram 322 desligamentos e 148 contratações.

Conforme Só Notícias já informou, em Sorriso foram 2.451 demitidos e 2.407 admitidos, resultando em 44 vínculos empregatícios encerrados a mais. Em Sinop foram 454 vagas a mais, saldo de 3.883 admissões e 3.429 demissões.

Lucas do Rio Verde contratou 80 a mais, 2.103 funcionários e demitiram 1.933. A nível estadual em Mato Grosso, o volume de empregos gerados também diminuiu.

Compartilhar

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no print
Imprimir

últimas Notícias